não se esqueça
Tudo que você abandonar
será vendido apenas
sem sequer com especial desdém

divulgar uma lembrança, gostar
efusivamente, inúmeros e indiferentes
jeitos de macular à distância
é isso que os objetos nos ensinam
No silêncio do desuso.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog