Contabilizo vinganças
eventuais e oportunas
e digo que foram por mim.

Esta chuva, por exemplo,
que tão exemplarmente
derrubou o cartaz de propaganga política
que me atazanou a vida nas últimas semanas.

Comentários

Marcelo Pierotti disse…
Saiu daquele ciclo de poemas, é?

Se saiu, perdoe-me dizer que o primeiro poema que leio fora dele não me desceu assim tãããooo bem.

É legal. Assim, legal, se é que me entende.
LRP disse…
1º que quem chama essas coisas de ciclo são vocês, drummondianos.

Esse poema talvez devesse ser continuado para ter alguma graça, mas tu sabe que não consigo e, outra, a pifialidade e a xoxice combinam com o tom do "ciclo", certo?

Postagens mais visitadas deste blog