Por que não?

ir a Macau xingar o jardineiro
que estragou o acesso à fachada
Ruínas de São Paulo, lembrar
Wittgenstein também exerceu
a profissão, reler Camilo Pessanha,
decorar eventos novos com causas
insólitas consequências sempre.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog