senta que lá vem salsugem
preciso não é sequer chorar

lamentinho pororoca, estou tão farto de você.
Bota de lama e simbora pela última vez.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog